Pub


Por Jornal i
publicado em 30 Mar 2012 - 08:38
// 

Incêndios. Exército com 200 militares em ações de vigilância e rescaldo no centro e norte do país

O Exército tem sete pelotões, cerca de 200 militares, envolvidos em ações de combate, vigilância e rescaldo aos incêndios no centro e norte do país, disse à agência Lusa fonte do Ministério da Defesa.

A fonte precisou que os militares do Exército estão envolvidos essencialmente em "ações de vigilância e rescaldo", em resposta a pedidos da Autoridade Nacional de Proteção Civil e sob a sua coordenação.

Os dois primeiros pelotões, provenientes do Regimento de Cavalaria 6 e da Escola Prática dos Serviços, foram destacados na quarta-feira de manhã para a zona de Lugar do Monte, no concelho de Barcelos.

Na quarta-feira à tarde, outros dois pelotões, da Escola Prática de Transmissões e do Regimento de Artilharia 5, foram enviados para a região de Casa de Leonte, no Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Já na quinta-feira foram destacados mais três pelotões: um do Centro de Tropas de Operações Especiais para a zona de Granja, no concelho de Castro D'Aire, e dois do Regimento de Artilharia 4 e de Infantaria 15, a operar na região de Espinhal, no concelho de Penela.

Na quinta-feira à noite, cerca de 890 elementos das forças de socorro estavam a combater 14 incêndios florestais por todo o país, o maior dos quais no distrito de Coimbra, segundo dados divulgados pela Proteção Civil na sua página na Internet.




Pub


 

Pub

Pub

Pub

Pub

Pub













X
Introduza o seu endereço de e-mail.
Introduza a senha associada ao seu endereço de e-mail.
  • Sign in with Twitter
A carregar