Pub


Por Jornal i
publicado em 26 Jun 2012 - 14:37
// 

Tiago Caiado Guerreiro prefere aumento do IVA em vez de nova sobretaxa

Tiago Caiado Guerreiro, fiscalista, considera que a sobretaxa de IRS aplicada ao subsídio de Natal não é solução para o cumprimento da execução orçamental. Segundo Caiado Guerreiro, a sobretaxa devia ser substituída pelo aumento da taxa do IVA.

Um aumento de 23% para 25% seria para ele a solução mais viável, bem como a passagem da taxa de 6% e da taxa intermédia aplicada a alguns produtos para a taxa máxima.

O fiscalista considera que a taxa de IRS já é extraordinariamente elevada, sobretudo, pelo facto de as pessoas do sector privado terem tido uma revisão em baixa dos salários. Tiago Caiado Guerreiro mostra-se contra esta medida por considerar que retirar mais pode levar as famílias a entrarem em incumprimento no que respeita aos pagamentos.

A opinião do fiscalista surge depois de o primeiro-ministro, Passos Coelho, e do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, terem admitido, ontem, no Parlamento vir a avançar com mais medidas de austeridade.




Pub


 

Pub

Pub

Pub

Pub

Pub













X
Introduza o seu endereço de e-mail.
Introduza a senha associada ao seu endereço de e-mail.
  • Sign in with Twitter
A carregar